Cresce crise na Ferbasa com busca e apreensão por ação na Justiça

A Companhia de Ferro Ligas da Bahia (Ferbasa) e a Fundação José Carvalho sofreram há dias uma busca e apreensão num processo que investiga fraudes contábeis, conforme revelamos.

Por Vale do Piancó -PB em 16/05/2024 às 13:35:27
charge-16-05-2024

charge-16-05-2024

A Companhia de Ferro Ligas da Bahia (Ferbasa) e a Fundação José Carvalho sofreram há dias uma busca e apreensão num processo que investiga fraudes contábeis, conforme revelamos. O caso ganhará mais capítulos. A Justiça da Bahia determinou que o Ministério Público Criminal apure possíveis irregularidades. Em despacho publicado na segunda (13), o juiz responsável pelo caso informa ao desembargador "aparente obstrução no cumprimento da decisão". As buscas ocorreram após o filho do antigo proprietário da companhia solicitar documentos que subsidiaram a criação da Fundação José Carvalho. Em nota à Coluna, a Ferbasa alega que "não há processo de fraude contra a Companhia" e que trata-se de "acusação leviana". Informa ainda que a empresa é "listada como Nível 1 de Governança Corporativa na B3 e adota altos padrões de transparência, integridade, equidade, prestação de contas, responsabilidade nos negócios e no relacionamento com todos os seus públicos de interesse". 

Outro abatido

Lula da Silva e Jair Bolsonaro são iguais no perfil de generais de guerra. Convocam aliados para o front e os abandonam no primeiro tiro que levam – mesmo que seja de fogo amigo, como o caso da Petrobras. O senador Jean Paul Prates (RN) é um futuro ex-petista, garantem aliados próximos. A conferir.

Brasil é um só

"É notável como, mesmo diante de divergências políticas ou ideológicas, a solidariedade nacional se sobrepõe em tempos de crise. Antigos debates sobre separatismo ficam em segundo plano quando o País se une para superar desafios coletivos". Palavras do ex-deputado Jerônimo Goergen sobre a turma que propõe o separatismo – a criação do Estado Gaúcho distinto do Brasil. 

Generoso, ele

charge por @izanio_charges

Cidade rica é outra coisa. O prefeito Chico Brasileiro (PSD), de Foz do Iguaçu, mandou para a Câmara de Vereadores uma proposta que destina R$ 1 milhão à Eldorado do Sul (RS), cidade que foi totalmente inundada. Ele cancelou a festa popular Fartal 2024. Em Eunápolis (BA), a prefeita Cordélia cancelou o Pedrão Junino, festa famosa da cidade, mas foi por economia mesmo. Não conseguiu R$ 8 milhões em recursos privados.

Lei do Hidrogênio

Representantes da Fortescue, empresa global de energia verde e tecnologia, se reuniram com governadores do Nordeste, durante o World Hydrogen Summit & Exhibition na Holanda. O evento é considerado o maior encontro sobre hidrogênio verde e sua cadeia de valor. Na pauta, a agenda de promoção do desenvolvimento de uma legislação para o produto que inclua condições estruturantes para impulsionar investimentos no Brasil.

Passa o cartão!

Um cliente carioca do cartão de crédito do Banco Pan foi surpreendido com cobrança de R$ 359 numa corrida de Uber. Detalhe: ele nem sequer é cadastrado no aplicativo de transporte. E a administradora do cartão não aceitou a contestação da "despesa". A Uber também andou cobrando R$ 24,99 pelo serviço Pass de gente que nem pediu.

Fonte: jornaldebrasilia.com.br

Tags:   Esplanada
Comunicar erro

Comentários

Anuncie Aqui