Secretário justifica uso da força para desobstruir BR-101 durante protesto

O secretário estadual de Segurança e Defesa Social , Jean Nunes, justificou o uso da força policial para desobstruir trecho da BR-101, hoje por manifestantes próximo ao Jardim Veneza, em João Pessoa, que protestavam contra morte de jovens em Bayeux, Ao Portal MaisPB, o gestor disse que o direito de protestar é legítimo, mas existe um limite na forma que deve ser feito.

Por Vale do Piancó -PB em 09/07/2024 às 17:56:59
Foto: Blog do Magno

Foto: Blog do Magno

O secretário estadual de Segurança e Defesa Social , Jean Nunes, justificou o uso da força policial para desobstruir trecho da BR-101, hoje por manifestantes próximo ao Jardim Veneza, em João Pessoa, que protestavam contra morte de jovens em Bayeux, Ao Portal MaisPB, o gestor disse que o direito de protestar é legítimo, mas existe um limite na forma que deve ser feito.

"A gente precisa desobstruir e contar com colaboração daqueles que estão fazendo o seu protesto. Todo protesto pode ser feito, mas dentro dos seus limites. A medida que ultrapassa esse limite as forças de segurança precisam adotar as providências legais", destacou Nunes.

Durante a desobstrução da rodovia federal houve confronto da policia com os manifestantes. A policia chegou a disparar tiros de bala de borracha para conter as pessoas que se negavam deixar o local. Jean Nunes lembrou que protesto em uma via de grande movimentação acaba causando muitos transtornos à população.

"Fechar uma rodovia principal onde passam ambulâncias, viaturas e outros veículos de emergência, evidentemente que o Estado não pode aceitar que isso ocorra porque atrapalha a dinâmica da vida e a segurança e a saúde daqueles que estão sendo socorridos", enfatizou.

Nunes também disse ainda que a Segurança tem acompanhado a reivindicação da família na solução do caso da mortes dos jovens que foram encontrados com as cabeça decepada em uma cova rasa em área de mata. Jean Nunes disse que as investigações continuarão sendo aprofundas no sentido de dar uma resposta desse fato.

MaisPB

Fonte: https://www.maispb.com.br

Tags:   Paraíba
Comunicar erro

Comentários

Anuncie Aqui