Após ato que bloqueou rodovia em JP, secretário de Segurança endurece discurso: "Manifestação violenta não será admitida"

Cerca de 24h após a realização de um protesto que interrompeu o tráfego nas BRs 101 e 23, em João Pessoa, o secretário de Estado da Segurança, Jean Nunes, afirmou que as forças de segurança da Paraíba não irão permitir manifestações em tom de intimidação e terrorismo.

Por Vale do Piancó -PB em 11/07/2024 às 00:08:40

Cerca de 24h após a realização de um protesto que interrompeu o tráfego nas BRs 101 e 23, em João Pessoa, o secretário de Estado da Segurança, Jean Nunes, afirmou que as forças de segurança da Paraíba não irão permitir manifestações em tom de intimidação e terrorismo.

Nesta terça-feira (9), um grupo de manifestantes bloqueou as rodovias na entrada do bairro do Jardim Veneza como forma de protestar pelo desaparecimento e assassinato de dois jovens. Os corpos das vítimas foram encontrados em uma área de mata de Bayeux com marcas de violência.

Em entrevista ao programa Arapuan Verdade, do Sistema Arapuan de Comunicação, nesta quarta-feira (10), Jean Nunes garantiu que não será tolerado qualquer ato público com o uso da violência e intimidação às pessoas.

– É uma via de importante acesso aqui da Capital, onde viaturas de emergência e de segurança pública precisam transitar e não podemos admitir que isso aconteça. As imagens deixam claro que alguns tentaram se aproveitar do momento. Usavam camisas amarradas ao rosto, outros com tornozeleiras [eletrônicas] num ambiente onde não deveriam estar, o que demonstra claramente que alguns tentaram se valer daquela oportunidade para praticar crimes. E serão identificados – garantiu.

Durante a manifestação deste terça-feira, imagens de emissoras de televisão, assim como, vídeos compartilhados em redes sociais, mostraram homens encapuzados atirando pedras contra as viaturas da Polícia Militar e da Polícia Rodoviária Federal. “Foi uma manifestação violenta, que não será admitida. Não era simplesmente um protesto ou reivindicando uma apuração de um fato. Demonstrou-se claramente que há um grupo tentando fazer terrorismo e diante de qualquer fato dessa natureza nós iremos desobstruir as vias”, afirmou Nunes.

O secretário ressaltou que a população tem o direito constitucional de se manifestar, entretanto, é preciso que esses atos sejam pacíficos e respeitando o direito de ir e vir das pessoas. “As manifestações pacíficas e ordeiras serão bem vindas

Jean Nunes declarou ainda que a presença de pessoas usando tornozeleira eletrônica no protesto será investigada. “Estamos investigando tudo isso e a resposta será dada", concluiu.

 

PB Agora

Fonte: pbagora.com

Comunicar erro

Comentários

Anuncie Aqui