Aprovados no concurso de Desterro acusam prefeito de suspender certame por lista conter apenas 8 pessoas da cidade aprovadas; prefeito responde

Inicialmente, a prefeitura afirmou que recebeu prints e outras provas de populares afirmando que seria uma lista das pessoas que deveriam ser aprovadas no concurso

Por Vale do Piancó -PB em 10/09/2021 às 17:57:59
Divulgação

Divulgação

O prefeito de Desterro, Valtécio de Almeida Justo, mais conhecido no município por Sinhô, baixou um decreto em que suspende o resultado do Concurso Público de 2021 da prefeitura temporariamente, após indícios de irregularidades no decorrer dos processos do certame. A prova foi realizada no dia 25 de julho deste ano e o resultado foi divulgado no dia 10 de agosto. Mas o prefeito afirmou que houve indícios de que o resultado foi manipulado e decidiu suspender para investigar a situação.

Inicialmente, a prefeitura afirmou que recebeu prints e outras provas de populares afirmando que seria uma lista das pessoas que deveriam ser aprovadas no concurso, antes mesmo da divulgação do resultado final, mas essas provas não foram encaminhadas ao Ministério Público ainda. O prefeito, de início, não se importou, pois ele achava que era mentira. Mas depois viu que todas as pessoas que constavam na lista, segundo ele, foram aprovadas em posições privilegiadas. Ele então decidiu investigar o concurso e suspendeu o certame na quinta-feira (12), por meio de um decreto.

De acordo com alguns concurseiros, que entraram em contato com o Blog do Jordan Bezerra por e-mail, afirmaram que só há no Ministério Público uma denúncia contra o concurso e ainda sem provas.

Ainda segundo os aprovados, os boatos que rolam pela cidade é que o prefeito realizou essa suspensão devido à aprovação de menos de 8 pessoas da cidade de Desterro, de um total de 88 vagas.


Atualmente, a empresa Contemax Consultoria Técnica, banca realizadora do certame, está processando a prefeitura para que apresente as provas de irregularidades, porém o processo 0801352-25.2021.8.15.0391 está parado na comarca de Teixeira. A Contemax é acusada em outros concursos de irregularidades.

Um grupo com mais de 30 pessoas está sendo assessorado pelo advogado Dr. André Gomes para garantir o direito de continuidade, uma vez que nada fora comprovado nem provas apresentadas aos órgãos de fiscalização.

O Blog do Jordan Bezerra entrou em contato com o prefeito Sinhô, que falou sobre o processo do concurso, na manhã desta sexta-feira (10). Segundo ele, os prazos estão dentro do previsto, e a justiça está apurando juntamente com o Ministério Público, e que a prefeitura está colaborando com a investigação. Ele disse ainda que os prazos estão sendo obedecidos.

Blog do Jordan Bezerra
Comunicar erro

Comentários